Exclusivo: Lava Jato investiga doação de terreno a Instituto Lula

O juiz Adriano Marcos Laroca, da 12a Vara da Fazenda Pública de São Paulo, autorizou o ingresso do MPF de Curitiba como interessado no processo que apura a polêmica doação de um terreno da Prefeitura para a construção de uma nova sede do Instituto Lula.

A área de 4 mil metros quadrados, avaliada em R$ 20 milhões, fica próxima à Estação da Luz. A iniciativa de doá-la, sob regime de concessão administrativa por 99 anos, foi do então prefeito Gilberto Kassab, hoje ministro das Cidades.

Apesar de aprovada na Câmara Municipal em 2012, a doação foi questionada pelo Ministério Público por ferir a Lei Orgânica do município. O caso se arrastava na Justiça até que a força-tarefa da Lava Jato resolveu entrar na investigação.

Os procuradores querem saber qual a contrapartida negociada por Lula. Eles já sabem que José Carlos Bumlai intermediou o negócio.

Faça o primeiro comentário