ACESSE

Exército faz consulta pública sobre controle de armas

Telegram

A consulta pública anunciada pela Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados do Exército para ouvir a sociedade sobre novas regras para rastreamento e marcação de armas ficará aberta por cinco dias, de hoje a 4 de julho, informa Helena Mader na Crusoé.

O Exército decidiu abrir a audiência pública virtual após se envolver em uma polêmica em abril, quando revogou portarias que tratavam de controle e rastreamento de armas por determinação de Jair Bolsonaro.

O MPF ajuizou uma ação civil pública para cobrar dos militares o restabelecimento das normas anteriores, que garantiam maior rigor no rastreamento de armas e munições.

Segundo o Exército, “a consulta eletrônica pública é um mecanismo que visa [a] proporcionar maior transparência aos processos, bem como colher comentários e sugestões dos interessados e usuários sobre as citadas normas”.

Leia mais aqui.

Leia mais: Um amigo aconselhou Bolsonaro a renunciar. O presidente resiste. E tem um plano para ir até o fim

Comentários

  • Daniel -

    E onde está o link da consulta pública?

  • Maria -

    Só faltava essa.

  • Isaias -

    Povo armado é mais difícil de ser roubado

Ler 12 comentários