ACESSE

"Expectativa é que Venezuela retome o caminho da liberdade", diz Bolsonaro na Cúpula do Mercosul

Telegram

Em discurso na Cúpula dos Chefes de Estado do Mercosul, Jair Bolsonaro disse, sobre a Venezuela, estar “na expectativa de retome o quanto antes o caminho da liberdade”.

Ele reiterou o discurso de seu chanceler, Ernesto Araújo, de que a prioridade do Brasil no grupo é a democracia e a Venezuela “representa o principal desafio para a região nessa dimensão”, conforme disse ontem, em discurso na abertura do evento.

No domingo, Bolsonaro voltou a usar a situação dos venezuelanos para criticar opositores. No Twitter, disse que “milhões já sentem como é viver na Venezuela”, em comentário sobre políticas de isolamento social adotadas no Maranhão, governado por Flávio Dino, do PCdoB.

Hoje, em rápido de pouco mais de cinco minutos, Bolsonaro também disse lamentar que a presidente Janine Añes, da Bolívia, não tenha participado do evento, “contrariamente à vontade do Brasil”.

Áñes assumiu o comando da Bolívia depois da renúncia de Evo Morález e seu vice, em meio a denúncias de fraudes nas eleições que os reelegeram.

Leia mais: A guinada de Bolsonaro para ficar no poder

Comentários

  • Diva -

    O teu “desgoverno” tbem, presidente, contribui e mto p q o Brasil se transforme numa Venezuela. Q adeus providencie a tua saída, o mais rápido possível!

  • JOSE -

    O aspirante à Hugo Chaves brasileiro fala de liberdade. O Brasil é uma piada triste.

  • Jose -

    A expectativa é que o Brasil retome o caminho da Venezuela com Bozo no comando.

Ler 8 comentários