Fachin libera para julgamento denúncia contra 4 políticos do PP

Edson Fachin liberou para julgamento no STF denúncia apresentada pela PGR contra políticos do PP pelo crime de organização criminosa, registra o G1.

Os quatro –os deputados Aguinaldo Ribeiro, Arthur Lira, Eduardo da Fonte e o senador Ciro Nogueira– se reelegeram em outubro e, por isso, continuam tendo foro privilegiado.

Segundo a PGR, desde 2004, os políticos filiados ao PP dedicaram-se à arrecadação de propina em diversos órgãos públicos, como Petrobras, Caixa e Ministério das Cidades.

“O esquema desenvolvido no âmbito desses órgãos permitiu que os ora denunciados recebessem, a título de propina, pelo menos R$ 380,9 milhões”, sustenta a denúncia de setembro de 2017, apresentada por Rodrigo Janot.

Moro pode salvar a Lava Jato? LEIA AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. PAULO disse:

    Pc. STF: caixa 2. Os meninos levados jamais serão punidos.

Ler comentários
  1. Junio disse:

    Que tal agora meter bala nesses canalhas? Só assim para cabar a corrupçao .Roubou vai levar bala na cara. Bando de canalhas

  2. Mendes disse:

    O foro privilegiado ,na verdade permite manter á performance dos BANDIDOS em questão??? Algo precisa ser mudado na LEI,pois neste caso ,foram subtraídos R$ 380.900.000,00 !!CLEPTOCRATAS do BRASIL.

  3. OPJ disse:

    Os eleitores do nordeste ADORAM um corrupto.

  4. Sérgio disse:

    Com $$$$$$$$$$ e advogados competentes, eles conseguirão FÀCILMENTE evitar o julgamento dessas ações ... até que os CRIMES PRESCREVAM !!! E todos viverão felizes para sempre !!! LAVA TOGA JÁ !

  5. Ferreti disse:

    Pra quê? Pra enganar o povo? Nelson Meurer foi condenado pelo Supremo e até agora não está cumprindo pena. Estão esperando o quê pra mandar prender Meurer?

  6. Rafael disse:

    Ainda é para o recebimento da denúncia? Isso não termina nunca.

  7. GILMAR disse:

    Já sabemos o resultado, nada nada nada,essa é a justiça brasileira, infelizmente.

    1. Vão acabar como o ex-colega Nelson Meurer. Livres e aposentados.

  8. Noely disse:

    Povo tolo come mierda , mas reeleja seus algozes!

    1. É impressionante. Os caras são reeleitos!!! Mas pior do que os "eleitores" é o sistema corrupto montado por esta gente para se auto proteger.