Fachin nega pedido de Lula para suspender processo do triplex

Fachin nega pedido de Lula para suspender processo do triplex

Edson Fachin negou um novo habeas corpus apresentado ao Supremo pela defesa de Lula que buscava suspender o andamento, no Superior Tribunal de Justiça (STJ), do processo do triplex.

Apesar de já ter sido condenado no STJ no caso, os advogados queriam impedir o avanço do processo sob alegação de que a condenação pode ser anulada caso a Segunda Turma do STF julgue que Sergio Moro e os procuradores da Lava Jato agiram com parcialidade.

Um pedido para paralisar o processo já havia sido negado por Félix Fischer, o relator do caso do triplex no STJ. Ontem, Fachin considerou que não há qualquer ilegalidade ou prejuízo irreparável para Lula se o processo continuar andando.

“O deferimento de liminar em habeas corpus constitui medida excepcional por sua própria natureza, que somente se impõe quando a situação demonstrada nos autos representa manifesto constrangimento ilegal, o que, nesta sede de cognição, não se confirma”, escreveu na decisão.

Leia mais: Combo Crusoé e O Antagonista+: comece a ler por apenas R$ 1,90
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 26 comentários
TOPO