ACESSE

Fachin vota a favor da condenação de Aníbal

Telegram

Edson Fachin votou pela condenação de Aníbal Gomes (DEM-CE) por corrupção passiva e por 19 atos de lavagem de dinheiro.

O deputado licenciado, afilhado político de Renan Calheiros (MDB-AL), é acusado de receber propina de R$ 3 milhões de Paulo Roberto Costa ao negociar acordo de profissionais de praticagem que receberam R$ 69 milhões da Petrobras.

“Há evidências robustas do mercadejamento da função pública. A conjunção de todos os elementos probatórios viabilizam a condenação de Aníbal Gomes e Luís Carlos Batista Sá, em coautoria, pelo delito de corrupção passiva, eis que há provas, declarações de colaboradores, depoimentos de testemunhas e dos próprios investigados e, em especial, uma robusta prova documental, convergindo ao dolo em prol do recebimento da vantagem indevida, em contrapartida em ingerência direta na Petrobras em favor dos interesses das empresas”, afirmou.

Leia também: EXCLUSIVO: MORO ATACA

Comentários

  • JOTA -

    Demorou heim supremo? E o resto da quadrilha? O negócio tá em conta gotas...so no Brasil.. .impunidade geral...Justica só para os 3 P...

  • Carlos -

    O único político que foi condenado por uma denúncia que não falsa foi o Lula, os demais, só enganação

Ler 3 comentários