‘Fake news’ não interferem em eleição, diz Alexandre de Moraes

Alexandre de Moraes disse achar que as notícias falsas que circulam na internet não têm força para mudar o resultado de eleição majoritária no Brasil.

“Sinceramente, acho que não tem esse efeito todo. Pode prejudicar, principalmente as eleições proporcionais, mas as eleições majoritárias [não], até porque todo mundo hoje contrata todo mundo para entrar com isso, aquilo”, afirmou o ministro antes da sessão de hoje do STF.

Moraes também defendeu a regulamentação da propaganda política na internet, mas acrescentou que ela não deve ser confundida com censura.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 14 comentários
  1. Moraes tem toda razão e não está sozinho. E não é qualquer um, a seu lado está Donald Trump, presidente da maior nação mais poderosa do planeta.
    O presidente americano nem sabe o que isso. Tão pouco o que é past-true-news.

  2. Num país onde a gravação de conversa imprópria entre o presidente em exercício e um investigado por corrupção não é considerada suficiente para que se investigue a conduta suspeita do chefe da nação, seria mesmo o cúmulo da ironia que Fake News sofressem censura como algo pernicioso à democracia. O descaso das instituições com a verdade comprovada é muito mais grave do que qualquer boataria… Por exemplo: Lula foi condenado em primeira instância. Ele pode recorrer da sentença, mas – enquanto ela for mantida – ele é comprovadamente uma pessoa inapropriada para ocupar o cargo máximo da nação. Pela lógica, a candidatura dele sequer deveria ser aventada porque – num país onde a maior parte do povo é desinformada – a campanha política antecipada (aliás ilegal – SE o TSE tivesse alguma moral depois do último vexame) da caravana de Lula dá a impressão de “normalidade” a uma hipótese absurda. Se o Ministros do STF tivessem um mínimo de juízo, perceberiam a urgência de impedir a campanha FAKE do condenado. Ao contrário, reagem cerimoniosamente aos frequentes desacatos de Lula, desmoralizando a Justiça exatamente como interessa a ele.

  3. Podem reparar: todo programa da Rede Globo vira trendtopic mundial no Twitter!
    Aí, você entra nos perfis de quem está postando e repara que grande parte ou é perfil fake ou é perfil robô com um monte de números e foto no perfil catada em redes sociais!
    A Globo hoje em dia é a número 1 em robôs na internet! Aprenderam a manha com o PT.

  4. Ei Gilmar Mendes…se você está vendo isso,saiba que você já perdeu meu amigo.A massa enfurecida irá buscá-lo onde for.Me diga então porque você não mandou prender a Dilma que se elegeu na base do Fake News ? Os Correios estavam entregando panfletos do PT.Os inscritos no bolsa família estavam recebendo ligações com ordens para votar na Anta sob pena de perderem o benefício.Fake New dos outros não vale Gilmar Mendes ? Smartmatic é Fake News Gilmar Mendes ?

  5. Claro que não! Até porque, como diria o “companheiro” Stalin: “Quem vota e como vota não conta nada; quem conta os votos é que realmente importa.”
    Em se tratando de Smartimatic e um desses ministrecos no comando da eleição, tudo é possível.

  6. Vamos regular os reguladores!!

    Regulem os reguladores já!!

    Regulem a roubalheira e as negociatas!!

    Regulem a prisão de ricos e poderosos!!!

    Ah isso tudo não pode, não dá, então vamos regular os habitantes bananeiros das banãnias.

    Até pq nós o povo das banãnias somos muito preguiçosos e ignorantes..

    Salve a regulação total!!!

  7. É mais fácil achar pelo num tomate do que procurar cabelo na cabeça desse Alexandre… que admitir a verdade, vai é enrolar… porque até um bocó sabe que “toda e qualquer propaganda política sempre é fake, um filtro de versões arranjadas e malcriadas) Lembrar para o juiz o que fez a militância petista na Abril após o debate na TV, tudo por causa de capa “Eles sabiam”: depredaram, vandalizaram o lugar. Nem importa se era “fake ou não” – antes de saber que é fake, ocorrem imprevistas e impulsivas reações, e mesmo depois sempre ficará a dúvida se fake é a notícia ou o desmentido da notícia.

  8. É mais fácil achar pelo num tomate do que procurar cabelo na cabeça do Alexandre… que admitir a verdade, porque até um bocó sabe que “toda e qualquer propaganda política sempre é fake, um filtro de versões arranjadas e e malcriadas) Lembra para o Alexandre o que fez a militância petista na Abril após o debate na TV, tudo por causa de capa “Eles sabiam”: depredaram, vandalizaram o lugar. Nem importa se era “fake ou não” – antes de saber que é fake, ocorrem imprevistas e impulsivas reações, e mesmo depois sempre ficará a dúvida se fake é a notícia ou o desmentido da notícia.

  9. Ele tem inteira razão!
    Esse negócio de “FAKE NEWS” é coisa da REDE GLOBO de TELEVISÃO e da FOLHA de SP ao lado do Twitter e do Facebook para terem o CONTROLE das REDES SOCIAIS e a própria imprensa poder soltar as VERDADEIRAS FAKE NEWS sem concorrência!