Falta de insumos é a maior em quase 20 anos

Segundo pesquisa da FGV publicada no Estadão, a falta de insumos no país atingiu em outubro os maiores níveis desde 2001 em 14 dos 19 segmentos da indústria.

O setor de vestuário é o que mais sofreu; 74,7% das empresas reportaram falta de insumos e componentes.

“Além do vestuário, a falta de insumos também foi apontado por fabricantes de produtos de plástico (52,8%), limpeza e perfumaria (39,1%), farmacêutica (34,2%), informática e eletrônicos (33,1%), além de empresas dos ramos de produtos de metal (31%), couro e calçados (31,1%) e químico (27,9%), entre outros.”

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
TOPO