ACESSE

Só falta o sogro

Telegram

O processo de Lula na ONU está parado.

O advogado Geoffrey Robertson é uma espécie de Cristiano Zanin sem sogro.

Depois de apresentar recurso contra a página no Facebook da secretária do presidente do TRF-4 e contra a cadeira do procurador Maurício Gerum, o australiano ainda nem conseguiu que a ONU avaliasse a admissibilidade da queixa do petista.

“Para que uma queixa seja aceita”, diz o Estadão, “a entidade em Genebra precisa concluir que o sistema judicial brasileiro não tem a capacidade ou garantias suficientes de independência para tratá-lo. Apenas com essa etapa superada é que, então, o caso iria aos 18 peritos independentes do Comitê de Direitos Humanos, algo que ocorreria apenas no segundo semestre do ano.”

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 16 comentários