Família que vendeu a mansão de Flávio tem relação antiga com o poder

Família que vendeu a mansão de Flávio tem relação antiga com o poder
Foto: Adriano Machado/O Antagonista

Na Crusoé que foi ao ar nesta sexta-feira (12), Luiz Vassallo detalha as relações da família que vendeu a mansão de R$ 6 milhões a Flávio Bolsonaro com o poder na capital federal.

O dono anterior do imóvel, Juscelino Sarkis, recebeu esse nome em razão da proximidade do pai, Simão Sarkis, com Juscelino Kubitschek. Mineiro de Uberlândia, Simão integra o grupo de pioneiros que chegaram a Brasília nos primórdios da cidade e enriqueceram de lá para cá.

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

 

 

Leia mais: A prisão do deputado Daniel Silveira, que ofendeu ministros do STF num vídeo, é mais um capítulo da avacalhação da democracia brasileira.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO