ACESSE

Familiares, apoiadores, servidores e empresários: quem Bolsonaro pode ter infectado

Telegram

Servidores do Planalto, do Alvorada, seguranças, familiares, ministros, apoiadores e até diplomatas estrangeiros estão entre as pessoas que tiveram contato com Jair Bolsonaro antes da confirmação de que o presidente está com Covid-19, informa Helena Mader na Crusoé.

Até o momento sem fortes sintomas, Bolsonaro pode ter transmitido o novo coronavírus nos últimos dias, já que, em boa parte dos encontros, ele não usou máscara.

Ao anunciar que está com Covid-19, Bolsonaro afirmou que pelo menos 100 pessoas trabalham no Palácio da Alvorada e outros 100 servidores atuam na segurança presidencial. Parte dos funcionários deve passar por exames, assim como familiares de Bolsonaro — entre eles, a primeira-dama, Michelle.

Entre sexta-feira e segunda, Bolsonaro teve agenda oficial com 13 pessoas. Mas o número de pessoas que tiveram contato com o chefe do Planalto é muito maior, já que ele participou de eventos fora da agenda, como a celebração da independência americana na embaixada dos Estados Unidos, no sábado.

Leia mais aqui.

Leia mais: Moro exclusivo: 'A energia cívica das grandes manifestações de 2013, 2015 e 2016 parece ter se dissipado.' Clique AQUI para ler na íntegra

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 36 comentários