Farmacêutica já produz insumo para vacina russa no Brasil

Farmacêutica já produz insumo para vacina russa no Brasil
Foto: Sputnik/Assessoria de imprensa do RFPI

A Anvisa informou hoje que a União Química vem produzindo insumo farmacêutico ativo (IFA) para a Sputnik V em sua fábrica no Brasil “como parte do processo de transferência de tecnologia”.

Afirmou, contudo, que ainda não há produção “em escala industrial para uso humano”.

Técnicos da Anvisa visitaram hoje a fábrica após notícias da produção da vacina. A empresa informou à agência que o processo de transferência de tecnologia ainda não foi concluído.

Nas últimas semanas, a União Química tentou obter a autorização para uso emergencial da vacina russa com base em aprovações no exterior.

A Anvisa negou e diz que, assim como ocorreu com a Coronavac e a vacina da AstraZeneca/Oxford, é necessária a realização de testes com voluntários brasileiros.

Leia mais: Enquanto Brasília faz tudo errado, a Crusoé continuará fazendo o certo: fiscalizando o poder.
Mais notícias
TOPO