A fé de Meirelles nas contas públicas

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse ao Estadão que se aproximou da Assembleia de Deus porque a igreja “compartilha da mesma mensagem de gastar só o que se ganha” na doutrinação a seus fiéis e de “não tomar dinheiro emprestado para fazer gasto corrente”.

“Estou conversando com todos os setores que apoiam o equilíbrio das contas públicas”, afirmou Meirelles, dizendo-se católico por formação.

“Já falei para pastores presbiterianos, sindicalistas e comunidade acadêmica internacional. Em resumo: procuro diversificar ao máximo. Agora, evidentemente que eu falar com investidores e mercado, todo mundo acha normal, não é notícia.”

A Assembleia de Deus reúne um terço dos evangélicos, que são 29% dos eleitores brasileiros.

É notícia, também, a movimentação de Meirelles para a eleição de 2018.

 

30 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Já era de dar asco ver esse malandro fantoche do globalismo fingindo que está trabalhando em pró do país. Mas agora é de vomitar no chão da sala mesmo, quadrilheiros coloquem uma coisa na cabeça de vocês! a coisa vai feder e não vai ter guerra cambial pra dar falsa ilusão de estabilidade e baixa inflação.

  2. fala pra ele que minha denominaçao tb ensina a nao gastar o que nao tem.
    mas lá o pastor nao abre pulpito para fazer campanha a ninguém e n´s somos muitos viu…milhoes….

  3. Podia começar explicando para o Temer e seus comparsas que não se gasta mais do que se arrecada e que, quando há um rombo nas contas públicas, não há dinheiro para Fundão,nem fundinho, nem meio fundo para partido político e nem para “emendas parlamentares” criminosas em troca do arquivamento de graves denúncias. Economize a grana do Fundo Partidário e do Fundão: pelo menos 3 bilhões. Cobre as dívidas dos empresários desonestos (refiz é perdão para criminoso). E não use o dinheiro do povo para salvar a pele do criminoso da calada da noite.

  4. O PT não é uma esquerda esclarecida. Nunca será.
    A carência do Brasil é de arte de qualidade! O PT ama e venera a indústria cultural. Cultura de massas.
    Sobretudo a música atual ruim.
    O “algo mais” do PT na arte e na cultura:
    O PT detesta a cultura popular e a erudita ao mesmo tempo.
    Bom, Yamandu Costa é música de grande qualidade. Não tem nada a ver com o PT, ok?
    Inclusive música pra poucos brasileiros (por ser complexa), ou seja:
    de “elite”. Assim como Machado de Assis, Villa-Lobos são arte de elite, sim.
    O mesmo Dostoievsky. Elite honrosa.
    Não se trata do lixo bem tragável de Q o PT gosta, venera, ama e adora, não.
    E, por outro lado, o bem centrado MBL [Mov. Brasil Livre] em
    seu papel empírico, em 2016 faz jus ao nome dessa sigla, certo?
    A diminuição do poder vigarista do PT com a saída de Dilma em 2016, — mesmo c/Lula solto hoje –, foi fortemente permitido devido ao MBL.
    Empírico, corajoso e pragmatista, o Arthur do “Mamãe Falei” ajudou bastante a desconstruir o discurso ideológico do PT através do método socrático. MBL e o Arthur lutam contra o lixaço da doutrina petista (conhecida como Petismo).

  5. Tá pedindo a DEUS pra não cortar os juros seus e de outros vagabundos? Já era, nossa dívida pública é impagável… Vamos quebrar em breve, tomara que antes das eleições, pro gado não achar que a culpa é do próximo, BOLSONARO 2018

  6. Dívida pública ESTRATOSFÉRICA … E CRESCENDO.
    Bagunça fiscal desenfreada, a começar DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA que vende, vende, e vende mais aquelas coisas de honra própria que ele, o PR, NÃO TEM.
    E aí, Meirelles, a hiper mega inflação já está contratada ou não está ?

    Hiperinflação tem causa.

    Não é uma questão de fé parar esse DESASTRE quando a norma é isto que se vê : liberou geral, vale tudo e a hiperinflação um dia desaba na cabeça. Fé …

  7. Quem elege político é o tráfico de drogas nas favelas, os milicianos e os evangélicos. R$ 30,00 o voto na boca do caixa. Às vezes, um baile funk e um churrasco com pagode. No Nordeste, um voto vale um litro de leite, um engradado de cerveja, um quilo de peixe fresco.
    O poder público não pega porque não quer. Qualquer criança sabe como a coisa funciona nesses locais.
    No Rio de Janeiro, quer saber se o político é metido com o tráfico de drogas ou com a milícia? Moleza! Basta reparar durante a campanha em qual favela ele tem acesso à associação de moradores, qual favela ele faz discursos, qual comunidade ele mais frequenta… Depois, pega o mapa eleitoral e compara.
    Não tem jeito: no RJ, ou o político é amigo do tráfico de drogas/fuzis, ou é amigo da milícia/jogo do bicho.

    1. Em cumplicidade com parte maciça do MPF, MPE, Defensoria Pública, OAB, TJ-RJ, TRF, STF, TSE, TRE, PM, Polícia Civil, PF, SRF, COAF, ONGs, classe artística, mídia, etc… Todos direta ou indiretamente tem algum envolvimento ativo e participação na construção do Narco Estado. Muita gente lucrando com isso!
      Rio de Janeiro = NARCO ESTADO! O primeiro do Brasil.

  8. A bem da verdade, a gestão de Meirelles foi nula. Nosso principal acerto vem de Ilan Goldfajn, via Michel Temer, ou vice-versa (há que reconhecer a contribuição de ambos), e consiste no controle da inflação e da taxa de juros, ambos relacionados entre si. A recuperação da atividade econômica é modesta; o rombo nas contas públicas aumentou. Um chimpanzé como ministro produziria o mesmo efeito e teria a vantagem de não ameaçar privatizar uma empresa-chave para nosso país como a Eletrobrás.

    1. NÃO, não há que se reconhecer NADA .
      a inflação caiu por DEPRESSÃO, nada mais,
      não há NENHUMA atitude de Temer ou da equipe neste sentido,.
      Se for para falar em Mérito, então tu terá qeu falar que Dilma foi o Mérito (não foi, mas teu critério dará mérito para ela, foi quem DEPRIMIU o poder de consumo, para cair a inflação agora).

    2. Apoiado, Arthur O Legítimo.
      Esse temer é um esquizofrênico : ele GASTA a rodo. Ele “conserta” as contas públicas. UMA OVA.

  9. Fé de mais, fede menos, seu Meirelles! Se havemos de pedir até por milagres para salvar a nossa economia, é o sinal mais típico de que a reza do PT foi o maior pecado que tivemos. E Deus nos castigou valendo. Deixou até de ser brasileiro. Vixi…!!!

  10. Não sou evangélica e nem da Assembleia de Deus. Mas me julgo pertencente a ” verdadeira assembleia de Deus”, sendo uma de suas criaturas. E apoio Meirelles, apesar de acha- lo um pouco intransigente demais… precisa aprender melhor a filosofia dos bambus e dos japoneses…Ah! E me preocupa m.u.i.t.o que um dos principais líderes da Igreja ” Assembleia de Deus” no Brasil tenha sido ( ou ainda seja???) Eduardo Cunha!!!

  11. O HOMEM DE SUSPENSORIO VC TEM QUE FAR COM O NEM, COM O ROGERIO 157, COM O PESSOAL DA ADA, DO CV, DA SITA SATANICA, FA FDN.
    ESSES SABEM GASTAR.
    PASTOR GASTA TUDO PORQUE SABE QUE NO MES QUE VEM TEM DIZIMO.