Retrospectiva 2020

Felipe Moura Brasil: “O vale-crime bolsonarista”

Felipe Moura Brasil: “O vale-crime bolsonarista”
Foto: Rodrigo Freitas/O Antagonista

O Bolsonaro da campanha de 2018 é bem diferente do Bolsonaro de 2020. Em dois anos, veio à tona a sujeira de sua família em gabinetes parlamentares. Com isso, o presidente foi ficando cada vez mais desbocado, ameaçando até a “encher de porrada” jornalistas. Este foi o tema de uma coluna de Felipe Moura Brasil na revista Crusoé em agosto. 

Clique aqui e leia o artigo na íntegra, aberto para não assinantes.

Leia mais: Crusoé revela com exclusividade como o diretor-geral da ABIN, Alexandre Ramagem, enviava por WhatsApp para Flavio Bolsonaro os relatórios produzidos clandestinamente para orientar sua defesa no caso da rachadinha.
Mais notícias
TOPO