"Fica mais uma vez evidente que planejamento não é o forte desse governo"

“Fica mais uma vez evidente que planejamento não é o forte desse governo”
Foto: Marcelo Chello/CJPress/Folhapress

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) disse a O Antagonista que a chegada das primeiras doses da Coronavac ao estado também vai atrasar.

“Houve um atraso naquilo que estava inicialmente previsto. Mas nós vamos receber uma parte ainda hoje”, disse, acreditando na última informação repassada pelo Ministério da Saúde, comandada por Eduardo Pazuello, o general do Exército que diziam ser “especialista em logística”.

O governador aproveitou o novo episódio para renovar suas costumeiras críticas ao governo de Jair Bolsonaro.

Depois do voo da Índia e dos atrasos de hoje, fica mais uma vez evidente que planejamento não é o forte desse governo.”

Está claro que Pazuello fez uma promessa aos governadores pela manhã e, depois do almoço, já não se tinha mais (de novo) garantia alguma da palavra do ministro, o que está forçando os estados a reprogramarem os eventos para marcar o início da vacinação.

Apesar do atraso confirmado, Dino pretende iniciar a vacinação ainda hoje. “Não sei a hora”, ponderou.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO