Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Filha de Flordelis volta a dizer que pagou R$ 5 mil por morte de Anderson

Filha de Flordelis volta a dizer que pagou R$ 5 mil por morte de Anderson
Reprodução/TV Câmara/YouTube

Simone dos Santos Rodrigues, uma das filhas de Flordelis, negou nesta segunda-feira (26) que a deputada soubesse do planejamento para matar o pastor Anderson do Carmo.

“Ela não sabia de nada, ela não tinha ciência nenhuma de nada do que estava acontecendo”, disse Simone ao Conselho de Ética da Câmara.

Anderson, marido de Flordelis, foi assassinado em junho de 2019, em Niterói (RJ).

Simone voltou a dizer que deu R$ 5 mil a sua irmã adotiva Marzy Teixeira, que, segundo ela, por sua vez os entregaria a Lucas dos Santos de Souza, outro irmão adotivo, para que “resolvesse” a situação.

“Sim, porque eu estava em desespero. Não aguentava mais, né as investidas dele [de Anderson], porque ele queria ficar comigo de qualquer forma. Ele me ameaçava cortar o dinheiro da minha medicação, do meu tratamento de câncer. E eu não conseguia falar com a minha mãe concernente a isso. E aí num desespero, eu comecei até mesmo – eu fiquei com síndrome de pânico, ansiedade, infelizmente usei drogas por causa disso. Fiquei totalmente atordoada, desorientada, e no desespero, infelizmente, o único dinheiro que eu que tinha que eram R$ 5 mil, eu peguei e falei ‘Marzy, você também está sofrendo’, e ele era uma pessoa que fazia muito bem para a minha mãe, mas para todos da casa ele não era uma pessoa boa (…) e eu peguei o dinheiro no desespero e pedi minha irmã Marzinha, ‘me ajuda pelo amor de Deus, que eu não aguento mais’”, disse Simone, arrolada como testemunha pela defesa de Flordelis.

Simone havia dito a mesma coisa em interrogatório, em janeiro. O Conselho de Ética da Câmara segue ‘refazendo’ o trabalho da polícia e do MP.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO