Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Filho de Jango ironiza veto de Bolsonaro a homenagem ao pai: "É até elogio"

João Vicente Goulart classificou a decisão do presidente da República como uma "perseguição"
Filho de Jango ironiza veto de Bolsonaro a homenagem ao pai: “É até elogio”
Foto: Pedro França/ Agência Senado

João Vicente Goulart, filho do ex-presidente João Goulart, ironizou a decisão de Jair Bolsonaro de vetar o nome de seu pai para batizar um trecho da rodovia BR-153. Em entrevista a O Globo nesta quinta (14), ele afirmou:

Jango jamais admitiria ser homenageado por esse atual presidente. Esse veto, partindo de Bolsonaro, é até um elogio. É para colocar no currículo de João Goulart.”

O filho de Jango também disse que Bolsonaro persegue o seu pai.

“É mais uma perseguição, como tantas outras. Nada me surpreende vindo de Bolsonaro. Ele tem absoluto ódio e resistência a todos que pertenceram a história e não será o corte do nome de Jango de uma rodovia, muito menos da lavra dele, que irá tirar o Jango da história nacional. Tenho minhas dúvidas sobre como ele, Bolsonaro, vai entrar para a história.”  

Ao vetar o projeto de lei, Bolsonaro argumentou que homenagens a personalidades da história brasileira em âmbito nacional não podem ser inspiradas “por práticas dissonantes das ambições de um Estado Democrático.”

Mais notícias
TOPO