Filho de Jobim na tribuna

Ao assumir a tribuna da Segunda Turma em defesa de Nelson Meurer, o advogado Alexandre Jobim elogia o relator Edson Fachin.

Ele é filho de Nelson Jobim, ex-presidente do STF, e sabe como agradar.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 11 comentários
    1. SHigeaki Ueki, que prestou concurso para a Petrobras e nã conseguiu entrar foi nomeado por Geisel para a Presidência da empresa, depois Ministro de Minas e Energia , que fez o processo de estatização da Light num processo obscuro pois faltava só uma ano para terminar a concessão e viria de grala para o Brasil . Foram pagos 365 milhões de dolares !
      “No final da década de 1970, o contrato de concessão da Light – Serviços de Eletricidade S/A com o governo federal, assinado no início do século e com validade de setenta anos seria encerrado, com a entrega dos ativos investidos pela empresa ao governo brasileiro. Porém em circunstâncias obscuras, principalmente no momento político vigente (regime militar), o então ministro das minas e energia Shigeaki Ueki, através da Eletrobras”

  1. Este está no Olho do Furacão da Corrupção !
    A Eminencia Parda da Republica Pelega que nos roubou desde 1975 , com a compra da Light do Grupo Canadense BRASCAN, cujos direitos de exploração expiraria ao custo de 1 CRUZEIRO de resíduo, no entanto foi adquira na época por 365 MILHÕES DE DÓLARES, REFERENTE A 1 MILHÃO DE DÓLARES POR DIA, PELOS 365 DIAS QUE FALTAVAM ! ANTECIPARAM A DATA E O BRASIL COMPROU A LIGHT ! OS ACIONISTAS DA BRASCAN NEM CONTAVAM COM ISO QUASE DESMAIARAM !
    UM DOLEIRO (???GOID) BEBEU UNS WHISKIES E NUMA FESTA BRAVEJOU:
    TENHO ORGULHO DE SER O CORRETOR QUE PAGOU A MAIOR COMISSÃO DO BRASIL: 100 MILHÕES DE DÓLARES !
    FOI O ESCÂNDALO QUE COMEÇOU A DERRUBAR GEISEL !