Fim do foro: “Emenda não é malandra”

Cássio Cunha Lima disse a este site que a sua emenda ao projeto do fim do foro privilegiado nada tem de “malandra”.

“Eu, inclusive, sugiro que se inclua o fim do foro entre as cláusulas pétreas da Constituição, para garantir que, quando o ambiente político acalmar-se, ninguém consiga reintroduzi-lo”, afirmou o senador tucano.

Faça o primeiro comentário