Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Fiocruz: casos graves de Covid estão associados a envelhecimento do sistema imune

Pesquisa ajuda a entender casos de reinfecção
Fiocruz: casos graves de Covid estão associados a envelhecimento do sistema imune
Foto: RitaE/Pixabay

Pesquisadores da Fiocruz constataram que casos graves de Covid estão associados a um processo de envelhecimento do sistema imunológico e imunodeficiência aguda. O artigo foi publicado nesta quarta (24) no Journal of Infectious Diseases, da sociedade americana de infectologia (IDSA, na sigla em inglês).

Os pesquisadores detectaram sinais de hiperatividade, exaustão e envelhecimento de células de defesa conhecidas como linfócitos T auxiliares, em pacientes hospitalizados pela doença.

Segundo os cientistas, os dados indicam perda da capacidade de resposta dessas células na Covid grave, o que pode facilitar infecções secundárias e reinfecções.

A queda na imunidade, acrescenta o blog da Fiocruz, “deixa os indivíduos mais vulneráveis para contrair outras infecções, como as pneumonias bacterianas, que são comuns em pacientes hospitalizados por Covid-19”.

Essa imunodeficiência aguda também ajuda a explicar a incidência de reinfecções – ou seja, contrair Covid de novo.

A pesquisa comparou amostras de 22 pacientes internados com casos graves de Covid com amostras coletadas de indivíduos saudáveis.

Leia maisNova onda de Covid na Europa e na Ásia serve de alerta ao Brasil, diz Fiocruz

Mais notícias
TOPO