Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Fiocruz: Coronavac registra o dobro de atrasados para 2ª dose em relação à AstraZeneca

Mais de 7 milhões de pessoas estão com mais de 14 dias de atraso para tomar 2ª dose
Fiocruz: Coronavac registra o dobro de atrasados para 2ª dose em relação à AstraZeneca
Foto: Rodrigo Nunes/MS

Cerca de 11% dos brasileiros que tomaram uma 1ª dose de vacina estão atrasados em mais de 14 dias para receber a 2ª dose, segundo boletim da Fiocruz publicado nesta terça (28).

A assessoria de imprensa da Fiocruz informou a O Antagonista que esse percentual representa mais de 7,3 milhões de pessoas.

O atraso é hoje mais comum entre quem tomou Coronavac. Na tarde desta quarta (29), o Painel de Atraso de Segunda Dose da Fiocruz mostrava que 33% dos que receberam uma dose de Coronavac estavam atrasados para receber a 2ª, contra 15% dos que receberam a AstraZeneca.

painel atraso fiocruz_29.set_.2021 1024x314
Reprodução/Fiocruz
É preciso lembrar que a Coronavac começou a ser aplicada antes no Brasil e tem intervalo menor entre as doses (4 semanas, contra 12 da AstraZeneca). Portanto, já aconteceram mais oportunidades para atrasos. No painel, a Fiocruz escreveu: “É importante frisar que como a vacinação com Pfizer começou apenas em [m]aio, a quantidade de indivíduos em possível atraso ainda é pequena, o que pode refletir na baixa taxa que vemos em comparação com as outras vacinas”.

Os dados foram atualizados até 15 de setembro.

No boletim, a Fiocruz acrescentou: “Muitos fatores podem influenciar esse atraso, como a idade dos vacinados, e.g. idosos podem ter maiores dificuldades de mobilidade; a logística de distribuição e aplicação de vacinas para regiões rurais, vulneráveis ou remotas; o intervalo entre as doses – se muito curto pode dificultar a adesão de grupos populacionais e ocupacionais mais isolados ou itinerantes; e a circulação local de informações falsas sobre vacinas”.

No começo do mês, o Ministério da Saúde contava 11,7 milhões de pessoas atrasadas para tomar a 2ª dose de vacina. Até o fim da tarde desta quarta (29), o ministério não soube a informar a O Antagonista se esse cálculo leva em conta quem estava atrasado em apenas um dia ou se leva em conta 14 dias, como fez a Fiocruz.

Em 28 de julho, em pronunciamento em rede nacional de TV, Marcelo Queiroga pediu aos atrasados para tomarem a 2ª dose.

Leia mais:

Doria anuncia “Dia V”, para quem está com 2ª dose atrasada

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO