ACESSE

Flávio Bolsonaro diz que 'tem que ver os argumentos' de ministro do STF e reafirma ser contra CPI da Lava Toga

Telegram

O senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, disse ao Valor Econômico que não sabe os detalhes da decisão de Alexandre de Moraes de mandar bloquear as redes sociais de investigados no âmbito do inquérito de Dias Toffoli.

“Eu sou contra qualquer tipo de censura. Agora, para ele ter dado uma decisão dessas, tem que ver quais foram os argumentos.”

Ele comentou também:

“A gente que está na vida pública sabe que sofre críticas o tempo todo, algumas construtivas, grande parte delas não, são ofensivas. A gente busca justamente o Judiciário para tentar combater algum tipo de injustiça.”

O senador reforçou que é contra a CPI da Lava Toga.

“Não estou me manifestando porque entendo que é o momento de estabilidade institucional, mais nada. A gente tem que focar na reforma da Previdência.”

AUTOR DA CPI DA LAVA TOGA: 'VAMOS ABRIR A CAIXA-PRETA DO JUDICIÁRIO.' SAIBA MAIS AQUI

Comentários

  • Angelo -

    O STF é obrigado a fazer minimamente a sua função, mas apenas faz contrariar o interesse nacional! temos que fazer uma nova constituição. O legislativo não é honesto para fazer só uma emenda!

  • Volmer -

    E eu votei em vc garotão. Bem feito pra mim. Quem defende ou contemporiza as ações do STF é porque está devendo alguma coisa. Isso é líquido e certo. " até tu Brutus". César é o POVO es

  • Maria -

    Esse Jair não engana ninguém . Calote puro.

Ler 497 comentários