Flávio Bolsonaro também impõe sigilo a gastos

A decisão de Davi Alcolumbre de manter secretas as notas fiscais de gastos realizados com a verba indenizatória de gabinete passou a ser seguida no Senado por outros parlamentares.

Segundo lista obtida pelo Estadão, pelo menos 12 senadores, incluindo Flávio Bolsonaro, negaram pedidos feitos via Lei de Acesso à Informação com a mesma justificativa.

“Além de Flávio e Alcolumbre, aparecem Telmário Mota (Pros-RR), Omar Aziz (PSD-AM), Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Eduardo Braga (MDB-AM). Os demais nomes não foram identificados na lista que a reportagem obteve.”

Comentários

  • Veronica -

    Cara de pau, Flavio

  • Trom -

    Senador de um mandato só! A não ser que seu eleitor é burro!

  • Fernando -

    Não tava nem preocupado, mas agora estão escondendo ?? Agora é que eu quero saber!! Podem abrir o verbo, picaretas!!

Ler 105 comentários