ACESSE

Flávio Bolsonaro termina depoimento; mulher dele não falará

Telegram

Flávio Bolsonaro prestou hoje depoimento ao Ministério Público do Rio de Janeiro na investigação sobre a rachadinha em seu antigo gabinete na Alerj.

Em nota, a assessoria do senador informou que a mulher dele, Fernanda, “não prestará depoimento”, apesar de também ter sido intimada na semana passada — como investigada, ela não é obrigada a falar.

“O depoimento atende a pedido feito pela defesa, que quer restabelecer a verdade. O conteúdo da audiência, no entanto, está em segredo de Justiça e será preservado. Com todos os fatos esclarecidos, a esposa do parlamentar, Fernanda Bolsonaro, não prestará depoimento”, informou a nota.

Como mostramos semanas atrás, Fabrício Queiroz, investigado por recolher parte dos salários de ex-assessores de Flávio, depositou R$ 25 mil em espécie para Fernanda Bolsonaro em 2011.

Além disso, em outubro de 2018, Queiroz pagou, com dinheiro vivo, duas mensalidades escolares das filhas do senador — nos valores de R$ 3,3 mil e R$ 3,5 mil.

Fernanda foi uma das 95 pessoas que tiveram o sigilo bancário quebrado por ordem do juiz Flávio Itabaiana.

Leia a íntegra da nota:

“O senador Flávio Bolsonaro foi ouvido, nesta terça-feira (7), pelo Ministério Público do Rio de Janeiro. O depoimento atende a pedido feito pela defesa, que quer restabelecer a verdade. O conteúdo da audiência, no entanto, está em segredo de Justiça e será preservado. Com todos os fatos esclarecidos, a esposa do parlamentar, Fernanda Bolsonaro, não prestará depoimento. A defesa do senador reafirma que Flávio Bolsonaro não praticou qualquer irregularidade e que confia na Justiça.”

Comentários

  • Carmina -

    Quais serão as desculpas esfarrapadas que FB deu desta vez?

  • Uirá -

    Se ele fosse FILIADO ao PSDB nada disto estaria acontecendo. Olha o Aécio. Foi pego em uma GRAVAÇÃO VEXAMINOSA e quantos DEPOIMENTOS ele teve que PRESTAR? Ninguém DERRUBA os SUPER TUCANOS BRASILEIROS.

  • Cristina -

    E com isso a imunidade baixa e ....

Ler 59 comentários