ACESSE

“Foi incompetente e, por isso, foi retirado do jogo”

Telegram

Acompanhe nossas notícias também pelo Google Notícias.

Acesse nossa página no serviço de notícias do Google e clique em SEGUIR ou no ícone

Em entrevista ao Estadão, o secretário especial de Assuntos Fundiários, Luiz Antônio Nabhan Garcia, disse que o general Franklimberg Ribeiro de Freitas foi demitido da Funai porque “é um jogador incompetente”.

“A Funai é um órgão que tem de defender os índios na saúde, na educação, na logística. O índio tem que ter a oportunidade de ter um filho mestre, advogado. Tem que ter uma estrada boa. Você vai nessas aldeias, às vezes nem consegue chegar de carro. Eles estão jogados lá, em condições desumanas. E é isso que essa Funai queria. Franklimberg teve a oportunidade de seguir as diretrizes que o presidente quer, mas isso não foi feito. É um jogador que não apresentou resultado nenhum, foi incompetente e, por isso, foi retirado do jogo. Pronto.”

Roubo e vazamento de mensagens de Moro: você não vai ler hoje nada mais importante do que isto. LEIA AQUI

Comentários

  • Antonio -

    Existem generais que sabem o que fazer e, outros, que não têm competência, para nada de bom fazer. O governo do Bolsonaro, tem que ter alguém de mérito que avalie certas indicações.Chega de problemas!

  • Reaça -

    Meritocracia. Justo!!!

  • Suelly -

    É isso aí não atendeu as expectativas do cargo tchau sem bença. Papo reto.

Ler 62 comentários