Foi o advogado de Shana

Ops, o homem que matou um bandido na Barra da Tijuca não era vice-cônsul da Rússia coisa nenhuma, ao contrário do que foi noticiado e reproduzido por este site.

É, segundo O Globo, “Marcus Cezar Feres Braga, advogado de Shana Harouche Garcia Lopes, filha do contraventor Waldemir Paes Garcia, o Maninho, morto em 2004, e esposa de José Luiz de Barros Lopes, o Zé Personal, que também já morreu, em 2011”.

Sim, você leu certo: o nome da cliente é Shana.

Faça o primeiro comentário