“FOI UMA MEDIDA PARA COMPENSAR A FALTA DE PESSOAL”

O Antagonista conversou com um dos delegados da força-tarefa da Lava Jato. Ele explicou que o pedido para desmobilizar a força-tarefa da Lava Jato partiu de Igor Romário, coordenador do grupo, depois de queixas dos outros integrantes.

“Havia uma insatisfação dentro da equipe. Na verdade, essa foi uma medida tomada justamente para tentar compensar nossa dificuldade atual de conseguir mais reforços.”

Segundo ele, os outros estados “não estão mais enviando policiais porque estão utilizando o efetivo em suas próprias investigações”.

E mais:

“Na prática, estávamos paralisando todas as outras investigações para poder reunir o efetivo que ainda temos nessas operações aqui em Curitiba.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 3 comentários
  1. Concordo plenamente: só o povo na rua e a imprensa independente e livre podem salvar o nosso país. Por povo, entendo as pessoas de bem. E penso que o quê está acontecendo com respeito à força-tarefa da Lava-Jato, é simplesmente uma ardilosa e bem montada manobra. Ainda descobriremos qual a verdadeira razão de tudo isso. Lamentável.