A Folha de S. Paulo quer o segundo turno

A Folha de S. Paulo, em editorial, implora para que haja segundo turno:

“Se a possibilidade de outro desfecho não pode ser descartada, inexiste sombra de dúvida, na visão desta Folha, de que um segundo turno convém ao país.

Bastaria recordar aqui que Bolsonaro e Haddad nunca se avistaram em um debate — o primeiro passou boa parte da campanha recolhido, vítima de um desvairado ataque a faca; o segundo só assumiu oficialmente a condição de presidenciável em 11 de setembro.

Ambos ainda devem esclarecimentos cruciais não apenas a respeito de suas plataformas de governo, mas até mesmo de como pretendem construir alianças e tratar opositores em caso de vitória.

O líder nas pesquisas não dispõe de experiência no Executivo, mostra desconhecer seu programa, representa um partido minúsculo e cultiva uma retórica de intolerância, quando não de autoritarismo.

A legenda oponente chama adversários de golpistas, escapismo para não assumir a corrupção e a ruína econômica em seus governos. Seu líder máximo conduz a campanha na prisão, em Curitiba.

Talvez seja otimismo exagerado imaginar que um segundo turno vá incentivar moderação e diálogo desta vez. De todo modo, a necessidade de maior escrutínio dos postulantes se impõe.”

Eu, Diogo, membro do Clube Jacobino, considero muito melhor decapitar no primeiro turno o sistema apodrecido que corrompeu o debate sobre o Brasil.

Comentários

  • Marçal -

    Alguém lê este jornal??????????????

  • Rene -

    A Folha quer mais tempo para ver se "descobre" que Bolsonaro caçava passarinhos quando criança e colocava bombinhas no rabo de gatos. FOLHA: vai chorar na cama que é lugar quente.

  • Marcelo -

    Contra corrupto do centrão , bandido do PCC e comunistas pedófilos e esfaqueadores, voto útil no 1 turno! Vote Bolsonaro 17!!! Pra deputados vote também 17 !!!

Ler 287 comentários