Foragido da Bósnia é preso em Indaiatuba

A Polícia Militar de São Paulo prendeu o bósnio Nikola Ceranic, condenado por crimes contra a humanidade na guerra dos Bálcãs, em 1992. Ele era procurado pela Interpol e foi localizado em Indaiatuba, São Paulo.

A PGR informou que a prisão com fins de extradição foi decretada no último dia 22 pelo STF.

Faça o primeiro comentário