ACESSE

Força-tarefa da Lava Jato no Rio ganha prêmio por prisão de 'doleiro dos doleiros'

Telegram

A força-tarefa da Lava Jato no Rio foi a vencedora do VIII Prêmio República de Valorização do Ministério Público Federal na categoria “combate à corrupção”, em cerimônia virtual realizada nessa quinta-feira (30).

O prêmio é concedido pela ANPR, a Associação Nacional dos Procuradores da República, e seu objetivo é “identificar e dar visibilidade à atuação dos membros do MPF”, segundo o site do próprio Ministério Público Federal.

A Lava Jato fluminense ganhou o prêmio pela Operação Patrón, desdobramento da Câmbio, Desligo, responsável por prender em julho de 2019 Dario Messer, o “doleiro dos doleiros”, que estava foragido.

Em novembro do ano passado, a Patrón pediu 20 prisões, no Brasil e no Paraguai, e buscas e apreensões de investigados por corrupção, lavagem de dinheiro e participação em organização criminosa.

Entre os alvos, além de Messer, estavam o o ex-presidente do Paraguai e atual senador Horácio Cartes e o doleiro Najun Turner, todos denunciados em dezembro de 2019.

Leia mais: Por que eles saem da crise ganhando

Comentários

  • Maria -

    Vontade de acabar com a lavajato né meu filho??? Só que não! 👏👏👏👏👏👏

  • Marco -

    Parabéns a lava jato do Rio e as outras do Brasil. Sejam resiliente a essa tentativa de acabar com o trabalho de vocês.

  • Maria -

    Prêmio merecidíssimo. Parabéns, Lava Jato do RJ!

Ler 21 comentários