Frota renuncia a candidatura: "Eu poderia vender meu voto para o Arthur Lira, como mais de 200 deputados aqui fizeram"

Frota renuncia a candidatura: “Eu poderia vender meu voto para o Arthur Lira, como mais de 200 deputados aqui fizeram”
Reprodução

Alexandre Frota renunciou à candidatura independente e declarou voto em Baleia Rossi. Na tribuna, criticou Jair Bolsonaro e os colegas que, segundo ele, se venderam para Arthur Lira.

Chamou o presidente de “charlatão eleitoral” que não honra o cargo. “Um desastre social, cultural e econômico”.

“Eu poderia vender meu voto para o Arthur Lira, assim como mais de 200 deputados aqui dentro fizeram. Mas eu estaria votando em Bolsonaro e contra a democracia.”

Segundo ele, “estamos com uma eleição definida pela compra de votos, pela ingerência do Palácio e isso aqui, para que o povo saiba e a imprensa toda publique, é um jogo de cartas marcadas”.

Frota disse que sua candidatura era um protesto contra um governo “sombrio” com um “projeto de poder” e contra uma Câmara que virou “quintal de Bolsonaro, cheio de garotos travessos e levados”.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que tem coragem de fiscalizar TODOS os poderes
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO