ACESSE

“Frustramos uma demanda legítima dos brasileiros pelo fim da impunidade”

Telegram

Em sua entrevista à Folha, o ministro Luís Roberto Barroso disse que a decisão do STF que acabou com a prisão após condenação em segunda instância “foi um retrocesso”.

“O risco real da punição fez com que as pessoas procurassem, muitas vezes espontaneamente, o poder público para narrar malfeitos, coisas erradas, e sobretudo no caso de corrupção e lavagem de dinheiro, se você não tem alguém do esquema do lado de dentro para contar o que é que foi feito, qual foi a trajetória do dinheiro, onde é que ele foi lavado e onde é que ele foi parar, é difícil você chegar lá”, afirmou.

“Lamento, sentidamente, mas na vida a gente tem que saber ganhar e tem que saber perder. Mas acho que esta decisão fez com que nós fugíssemos do padrão mundial de Justiça criminal, demos incentivo a determinados comportamentos antissociais e frustramos uma demanda legítima da sociedade brasileira pelo fim da impunidade de quem desvia dinheiro público.”

Barroso exclusivo: "O BRASIL JÁ NÃO ACEITA O INACEITÁVEL." Leia aqui

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 97 comentários