Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Fui vítima de memes porque citei a empresa de uma atriz pornô”, diz Heinze

Senador governista voltou a citar o estudo fraudulento de uma empresa chamada Surgisphere, que não recomendava o uso da cloroquina
“Fui vítima de memes porque citei a empresa de uma atriz pornô”, diz Heinze
Foto: Pedro França/Agência Senado

Durante a sessão de hoje da CPI da Covid, o senador governista Luiz Carlos Heinze (PP-RS) voltou a citar o estudo fraudulento da Lancet, usado pela oposição para criticar o uso da cloroquina.

A pesquisa foi realizada a partir da base de dados de uma empresa chamada Surgisphere Corporation e não recomendava o uso da cloroquina para tratamento de Covid. Heinze voltou a declarar que uma das funcionárias da Surgisphere era atriz pornô.

Depois de citar o estudo, o senador governista fez um desabafo:

“Fui vítima de memes porque citei a empresa de uma atriz pornô”, disse o parlamentar.

Após ele ter citado o estudo pela primeira vez, ainda em maio, ele teve seu nome associado a uma ex-atriz pornô: Mia Khalifa.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO