Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Funcionários do Banco Mundial pedem investigação de Weintraub

Funcionários do Banco Mundial pedem investigação de Weintraub
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

A Folha noticia que a Associação de Funcionários do Banco Mundial pediu novas investigações sobre Abraham Weintraub, desta vez “por espalhar desinformação durante a pandemia e fazer campanha política para um cargo eletivo no Brasil”.

O ex-ministro da Educação de Bolsonaro é um dos diretores-executivos da instituição

Em carta enviada pela associação ao Comitê de Ética do banco, funcionários dizem que o comportamento de Weintraub é “inaceitável”. São citadas como exemplos mensagens com críticas à Coronavac, em defesa da cloroquina e uma possível campanha eleitoral para o governo de São Paulo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO