Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé
Retrospectiva 2020

Furos de O Antagonista: a carta de Bebianno

Furos de O Antagonista: a carta de Bebianno
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Gustavo Bebianno morreu de infarto fulminante no dia 14 de março. Um dia após a sua morte, O Antagonista mostrou, com exclusividade, uma carta que o ex-ministro havia escrito para Jair Bolsonaro.

Na mensagem, Bebianno não fazia ‘revelações comprometedoras’ sobre o presidente. Tratava-se mais de um desabafo contra as acusações de traição e uma leitura, como espírita que era, do que chamava de “relação de ódio” construída por Bolsonaro com todos a sua volta – alimentada, principalmente, pelo filho Carlos.

“O senhor está obsediado. Obsediado pelo próprio filho. Carlos precisa de ajuda e só o senhor tem esse poder. Não estou falando com rancor. Meu sentimento não é de raiva, acredite. Não tenho uma só gota de raiva do Carlos (a que tive, já passou, graças a Deus), porque ele precisa de ajuda. Isso é visível aos olhos de TODOS.”

Leia aqui a íntegra da carta.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO