Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Fux cobra "senso de responsabilidade cívica e respeito institucional" no 7 de Setembro

Na abertura da sessão de hoje, ministro diz que Supremo "atento e vigilante" e diz que "liberdade de expressão não comporta violências e ameaças"
Fux cobra “senso de responsabilidade cívica e respeito institucional” no 7 de Setembro
Reprodução/TV Justiça Oficial/YouTube

Luiz Fux aproveitou a sessão do Supremo há pouco para enviar uma mensagem aos manifestantes do dia 7 de Setembro. Ele disse que o STF segue “atento e vigilante” pela manutenção da “plenitude democrática”. Segundo o ministro, “nenhum povo constrói sua identidade sem dissenso e nenhuma nação alcança a prosperidade sem debates sobre o desempenho dos seus governos e de suas instituições”.

“A crítica construtiva provoca reflexões, descortina novos pontos de vista e convida ao aprimoramento institucional. A crítica destrutiva, por sua vez, abala indevidamente a confiança do povo nas instituições do país.”

O presidente do STF, que rompeu o diálogo com Jair Bolsonaro, disse que o país alcançou sua “maturidade institucional” e é visto como “uma das maiores democracias constitucionais do mudo”. Segundo ele, como patrimônio coletivo, a democracia deve despertar o “senso de responsabilidade de todos os brasileiros, que devem reafirmá-la em todos os momentos da vida.”

“Afinal, a nossa democracia não nos foi herdada nem outorgada, mas corajosamente conquistada. Sabemos que as liberdades públicas não são benesses concedidas pelo Estado, mas vitórias históricas dos cidadãos brasileiros, dos quais se espera cuidado para com os próprios direitos fundamentais.”

Leia a íntegra do discurso.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO