Fux promete corrigir falhas na distribuição de ações no STF

No julgamento da prisão de André do Rap, Luiz Fux anunciou que editará um ato para corrigir falhas na distribuição de processos dentro do STF.

O anúncio foi feito após críticas de Gilmar Mendes ao encaminhamento, para Marco Aurélio Mello, do habeas corpus do traficante. A ação deveria ter sido levada ao gabinete de Rosa Weber.

“Diante desse caso gravíssimo, inclusive com distribuições e desistência de distribuições, e equívoco na prevenção, hoje ainda sairá um ato da presidência cuidando de todas essas questões que Vossa Excelência agora menciona”, disse Fux.

Como mostrou O Antagonista na segunda, Rosa Weber é a relatora da Operação Oversea, que prendeu o traficante. Em junho, na presidência do STF, Dias Toffoli negou um pedido da defesa para encaminhar um caso ligado ao traficante para Marco Aurélio.

Hoje, Gilmar Mendes criticou o encaminhamento do habeas corpus que levou à soltura para o ministro. “É um festival de erros, equívocos e omissões”, disse.

Leia mais: Marco Aurélio e o caso André do Rap: como a lei (e a mais alta corte do país) pode ser usada para libertar um criminoso considerado perigoso?
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 27 comentários
TOPO