Galinhada de Heráclito

Michel Temer almoçou hoje na casa de Heráclito Fortes, no Lago Sul, em Brasília.

Comeram uma boa galinhada e, durante o papo, apreciaram os quadros artísticos espalhados pela sala de estar do parlamentar, dignos de críticas pelo MBL.

Também sentaram à mesa o ministro Moreira Franco e os deputados Alexandre Baldy, Danilo Forte, Benito Gama e Átila Lira.

Na saída do encontro, o presidente disse que nada vai atrapalhar a votação da segunda denúncia contra ele na Câmara.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Absolutamente desnecessária, provocante e patética a alusão à “censura” do MBL. A máscara está caindo? Vocês estão reproduzindo o mesmo discurso irônico, repetitivo é nojento da esquerdalha calhorda. Respeitem a opinião da maioria dos brasileiros que repudiam esse convite recorrente à pedofilia.

Ler mais 19 comentários
  1. Absolutamente desnecessária, provocante e patética a alusão à “censura” do MBL. A máscara está caindo? Vocês estão reproduzindo o mesmo discurso irônico, repetitivo é nojento da esquerdalha calhorda. Respeitem a opinião da maioria dos brasileiros que repudiam esse convite recorrente à pedofilia.

  2. As vezes vcs decepcionam fortemente… quando o MBL censurou alguma coisa? Desde quando o MBL tem poder pra censurar algo? Ou vocês estão se declarando a favor de crianças ficarem brincando com homens pelados? Francamente antagonistas, não tomem esse caminho

  3. Senhores Antagonistas! Caso o comentário a respeito do MBL tenha sido uma ironia, foi totalmente idiota e desnecessário. Caso não tenha sido, só podemos lamentar a imbecilidade do autor do post. Aliás, por que essa implicância toda com o MBL? Vocês são a favor de exposições de pedofilia e zoofilia abertas para crianças ou de homens nus sendo tocados por crianças? Posso garantir que a maioria dos brasileiros não é. Então, Antagonistas, menos, menos….

  4. Antagonistas, é legal rever conceitos.
    Vejam: segundo a Paraná Pesquisas, 83% da população é contra a presença de crianças em performances artísticas de pessoas nuas.
    O próprio MASP, que vai inaugurar uma exposição sobre sexualidade, aumentou o limite de idade para 18 anos.
    E pais e mães de Contagem denunciaram hoje que os filhos, alunos de uma escola municipal, receberam uma tarefa escolar sobre sexo, que faria corar a maioria dos pais e mães brasileiros.
    Está tudo no MBL, mas também no Estadão e na Gazeta do Povo.

    1. Em nome da coerência: fiz uma breve pesquisa e descobri que a denúncia dos pais de alunos de Contagem aparentemente não é de hoje, apesar de postada há 2 horas. Aconteceu em 2015, mas há um relato também de 2012.
      Não sei se aconteceu de novo…

  5. Isso aqui descambou de vez. Não dá para aceitar esta engenharia social depravada disfarçada de intelectualidade blasé. Curtam sua “arte” perversa em suas matilhas ou varas (digo, a de porcos).

  6. Além de galinhada (galinha preta com cachaça e farofa) , houve porcadas e cachorradas, todas artísticas! Podre mídia mundialista, seria só medíocre se não fosse também corruptora e assassina da esperança, da moral e da honra das nações.

    1. Antagonistas pisaram na bola. Agora é disfarçar, fingir que vão c.a.g.a.r… e sair de fininho para não afundarem ainda mais, no vergonhoso aparte.

  7. “Dignos de censura pelo MBL” significam quadros de negros sendo enrabados e chupando jiromba de brancos? Pedofilia? Zoofilia? Se for, a censura não é do MBL, é do povo brasileiro. Todo mundo já sabe do plano dos globalistas para mexer no direito de patrimônio, por isso o financiamento das perversões, para mexer no direito de herança, ou vocês não sabem que na França paga-se até 60% de imposto sobre transferência de imóveis para os próprios filhos?