Gás e ‘gatonet’ já são negócios pequenos para as milícias

A Veja mostra como funcionam os negócios imobiliários das milícias no Rio de Janeiro.

A Muzema, onde dois prédios desabaram na semana passada matando pelo menos 20 pessoas, é um fenômeno de duas décadas, diz a reportagem.

Leia um trecho:

“Escutas telefônicas interceptadas pelo Ministério Público estadual às quais VEJA teve acesso expõem a engrenagem propulsora das atividades dessa milícia: os marginais vêm obtendo informações privilegiadas sobre operações de fiscalização da prefeitura e ainda contam com facilidades para abrir empresas em nome de pessoas que servem de fachada aos milicianos.

Em uma das ligações, um tal Manoel de Brito Batista, conhecido como Cabelo, avisa um comparsa de uma iminente inspeção da prefeitura. Em outra, informa sobre uma provável batida da polícia ambiental em obras da gangue. “Acabaram de me ligar, falaram que vai ter (operação). Muzema e Rio das Pedras”, alerta.

Batista (hoje preso) vem a ser o braço financeiro e “síndico” dos imóveis da quadrilha. É ele também que aparece em negociação flagrada pelo MP para remunerar um funcionário da prefeitura (ainda não identificado) por um serviço valioso: Batista precisava de ajuda para liberar o registro de uma empresa de material de construção. Conseguiu pagando 3 000 reais.”

Censura à imprensa: a escuridão realmente passou? LEIA AQUI

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Marcão/DF disse:

    O Rio de Janeiro é um Estado falido, fudido e bem pago. Estão roubando até estátuas, imagina o cidadão que anda? Não existe nada, em nenhum setor que não esteja corrompido. Triste RIO!!

Ler comentários
  1. Marlene disse:

    A roubalheira das grandes personagens centrais do Pais, só capilarizando-se. Estendendo braços sem fim. E todos protegidos com segurancas! Brasil, reaja!!!!

  2. NELSON disse:

    O problema é que o brasileiro.quer comprar barato e sem docto de procedencia, seja produtos, carros, motos, imóveis. Esses compradores deveriam ser também responsabilizados.

  3. Hoddock disse:

    O pacote anti crime do ministro moro não tem nada para combater as milícias. Esse câncer precisa ser estirpado

    1. Ao contrário, como já foi amplamente divulgado, FAVORECE as milícias! E qual não vai ser o militar-miliciano que vai deixar de alegar surpresa, emoção pra matar?

  4. Claudio disse:

    E O Senado , continuará acovardado perante o STF???? LavaToga Já

  5. Mary disse:

    O pior é que estão vendendo/comprando barato o que vai custar caro para toda a população.Esses bandidos não estão nem ai, suaa familias moram em outros lugares.

  6. JOTA disse:

    Este é um país comandado por vários poderes paralelos. É lamentável.

  7. fera disse:

    Não mexa com a milícia ela têm muito apoio de cima na voz do nosso 🐥🐥🐥🐥

  8. Moises disse:

    Façam um muro no Rio e isolem esse lugar.

  9. XYZ disse:

    Tem Miliciano lavando dinheiro em apartamentos e lojinhas de chocolate

  10. Marcelo disse:

    Kkk esses antagobostas vendem gato por lebre como nesse epsodios da orcrim encapada. Milicias? Criminosos! Como o verdadeiro problema: tráfico de drogas.

  11. Amilcar disse:

    Uma área é limpa, fazem fundações, erguem os prédios, fazem ligação da Light e Cedae e ninguém da Prefeitura vê nada. Tem que acabar com essa quota de vagas para cegos na fiscalização da Pr

  12. Moacir disse:

    Por falar em miliciano: cadê o Queiroz? E as apurações contra a famiglia Bolsonaro, vão ser mesmo engavetadas? Mourão, vc é a nossa esperança, empurre esses inquéritos quando for presidente...

    1. Já estão querendo dizer que os "Bolsonaros" estão envolvidos??? O Rio está dominado pelas facções, bicheiros, máfias políticas, e esquerdas fajutas, etc.

  13. Francisco disse:

    E, só agora depois da tragédia é que estão sabendo disso? A máfia é poderosa. Quem avisava? As investigações tem que ir fundo. Vamos ter uns graúdos presos?

  14. Py disse:

    Todo o quadro construído depois de 1986 para que políticos, autoridades e empresários corruptos ficassem impunes acabou beneficiando essas quadrilhas criminosas. O pacote do Sérgio Moro reverte is

  15. Alcindo disse:

    Só a inteligência pra parar essa guerra.

  16. Jorge disse:

    Em Realengo, moradores são obrigados a comprar TV, internet e telefone dos administradores paralelos, tráfico/milícia.

  17. Otávio disse:

    Vergonha! As milícias nasceram e cresceram em razão da omissão dos governos populistas e socialistas. A esquerda festiva tem culpa!! A zona sul que sempre viveu aboletada no governo é a responsáv

    1. Isso mesmo, os moradores da zona sul de um modo quase geral são dementes, deixam a coisa acontecer, nãoreclamam nada!!.

  18. Otávio disse:

    São os professores e funcionários militantes das universidades que tornaram o Rio essa mer*** de fazer gosto!!!!

  19. EDUARDO disse:

    Esse câncer que destruiu o RJ tentou se alastrar para todo o país. É o braço armado de políticos malditos. Mas satanás tá cobrando caro aos que as apóiam. Pensem na destruição aos mais próx

  20. CAM disse:

    Problema do RJ: Milicias, Facçoes do tráfico de drogas e forte demanda por drogas, principalmente da populaçao com maior poder aquisitivo. Não desviemos o foco.

  21. Trump disse:

    O Brasil está todo podre. Tem que ser destruído para ser reconstruído.