Geddel, codinome “Babel”

Em outubro, O Antagonista contou que Geddel Vieira Lima havia sido delatado por Cláudio Melo, da Odebrecht.

Hoje o site Buzzfeed publica que, “de acordo com planilha entregue pelo ex-diretor de relações institucionais da empreiteira Cláudio Melo”, Geddel Vieira Lima recebeu “três parcelas de R$ 500 mil, pagas no dia 12 de agosto, 16 e 30 de setembro de 2010”.

E mais:

“Na planilha entregue por Cláudio e que faz parte do acordo de delação premiada, Geddel é identificado pelo codinome “Babel”.

GEDDEL NA DELAÇÃO DA ODEBRECHT

Brasil 05.10.16 16:35

Claudio Melo, ex-vp de relações institucionais da Odebrecht, confessou ter repassado propina ao ministro Geddel Vieira Lima.

Já são três os ministros de Michel Temer identificados por delatores na planilha da empreiteira. Geddel tem mantido a versão de que só pediu às empreiteiras doações oficiais.

Faça o primeiro comentário