“Geddel é uma liderança centralizadora”

As malas e e caixas com dinheiro de Geddel Vieira Lima “devem precipitar o processo de renovação na direção do PMDB na Bahia, que desde a década de 1990 está sob o comando do ex-ministro Geddel Vieira Lima e de seu irmão, o deputado federal Lúcio Vieira Lima”, registra o jornal baiano A Tarde.

Um parlamentar do partido, sem querer ser identificado, disse que se o PMDB não agir rápido pode “ficar desgovernado” na Bahia.

“Geddel é uma liderança centralizadora. Esses acontecimentos tiram a legitimidade da sua liderança e enfraquecem Lúcio”, afirmou o político.

Esses peemedebistas são uns pândegos.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. “Lideranças” como esta e a do ex presidente da Câmara, atualmente preso. Lideranças com “alto poder de convencimento”. Nas mãos de agentes públicos deste tipo são decididos os destinos da Nação.

Ler mais 7 comentários
  1. “Lideranças” como esta e a do ex presidente da Câmara, atualmente preso. Lideranças com “alto poder de convencimento”. Nas mãos de agentes públicos deste tipo são decididos os destinos da Nação.

  2. Processo de renovação do PMDB também urge ser no Paraná (Curitiba) , dando um pé-no-rabo do Maria Loka definitivamente. Se êle quiser ainda TENTAR, eu disse TENTAR, ser eleito para alguma bhosta qualquer, só consegue talvez para vereador, que se filie ao PT, PCdoB, PSOL ou qualquer outra mherda similar. Vamos lá Jucá, aja rápidamente nesse sentido.