Troca de gentilezas

Troca de gentilezas
Reprodução/O Antagonista e Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Viralizou nas redes sociais trecho da coluna de Sergio Moro na Crusoé desta semana em que ele diz que votaria em Danilo Gentili para presidente. Ao comentar que é fã do Manhattan Connection, Moro disse:

“O ambiente descontraído, a qualidade dos âncoras, a relevância e a heterogeneidade dos convidados têm sido um atrativo. Em um deles, quase foi lançada a candidatura presidencial do Danilo Gentili – que, aliás, teria o meu voto”.

Nesta quinta (8), em entrevista ao Papo Antagonista, Danilo Gentili disse que seu candidato ideal seria justamente Sergio Moro. O humorista tem provocado o meio político com uma possível candidatura.

O Moro seria legal. O Sergio Moro, mas eu também entendo que o Sergio Moro é um jurista, né, cara, ele não é um político. Mas eu acho que é isso que tem acontecer, cara. Eu acho que uma boa mudança de mentalidade é o povo brasileiro, é as pessoas, é o eleitor entender, que ele precisa colocar lá não-políticos (…) O político de carreira não é um voluntário como um político deve ser. Ele é um cara que está em busca de uma carreira em um balcão de negócios. Um voluntário é aquele que tem o negócio dele aqui, vai sacrificar isso, vai lá tentar mudar alguma coisa. É difícil. Como o Sergio Moro fez”.

Assista:

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO