Gilmar: "Cansei de falar das prisões alongadas da Lava Jato de Curitiba"

No julgamento de André do Rap, Gilmar Mendes elogiou a regra do pacote anticrime que obriga juízes a reavaliarem periodicamente, a cada 90 dias, a necessidade da prisão preventiva.

Aproveitou para criticar as prisões da Lava Jato.

“Cansei de falar das prisões alongadas da Lava Jato de Curitiba. Que em geral só terminavam quando o indivíduo aceitava fazer uma delação premiada. Uma combinação muito esquisita entre procurador e juiz”, disse.

Leia mais: STF: vai ser mais complicado anular as condenações de Lula e declarar Sergio Moro suspeito. Entenda por quê
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 72 comentários
TOPO