Gilmar e os sindicalistas

Gilmar Mendes recebe logo mais, às 12h, um grupo de pelegos para discutirem a constitucionalidade do imposto cobrado para financiar os sindicatos.

O ministro do STF relatou uma ação que questionou a legalidade da cobrança de taxas como essa.

Paulinho da Força e sua turma estão desesperados. Sabem que sem grana, só sobrarão os megafones.

Leia mais nos dois posts abaixo:

Paulinho negocia com Rodrigo Maia ressuscitar o imposto sindical

Maia lava as mãos sobre novo imposto sindical

 

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 50 comentários
  1. Os Sindicatos, se agora querem mais dinheiro, para promover suas arruaças, queima de pneus, financiar invasões do MST ou MTST, deverão arregaçar as mangas e procurar junto aos trabalhadores aqueles que se dispõem e concordem em se sindicalizar e pagar as mensalidades, de outra forma, NÃO! SEM DINHEIRO PÚBLICO. JÁ NÃO CHEGA O FUNDÃO?!

  2. Dou minha jugular a chupar como Gilmar vai mudar de ideia. Só ele mesmo para receber esses vermes. Aliás, não poderia ser diferente! Se não fosse Gilmar, seria outro daquela trupe que reescreve a Constituição todos os dias.

  3. Passei muitos anos pagando imposto sindical, a cobrança vinha direta via desconto em folha, um dia de serviço por ano ia para vala comum sindical, e para que? O meu salário eu mesmo negociava com meus patrões, nunca precisei do sindicato para nada, mesmo assim era obrigado a “contribuir”, e ainda tiveram a petulância de querer me cobrar 10% nos aumentos que recebia, não autorizei o desconto como ameacei ir no MP, fui chamado de “pelego” por causa disto, quase sai a socos com delegado sindical na empresa que trabalhava, por isto sou plenamente a favor pela abolição definitiva
    desta aberração e mais, os sindicatos tem voltar a prestar contas de seus movimentos financeiros, quem é associado tem o direito de saber o que esta sendo feito com seu dinheiro.

  4. Tem que acabar com essa farra dos Sindicatos, nenhum centavos do dinheiro publico para eles e nenhum pagamento obrigatório para o trabalhador. O trabalhador que quiser se filie ao sindicato, que seja por conta e risco dele.

  5. Contribua com o Sindicato quem quiser, o que os sindicalistas deveriam fazer é tentar criar uma lei onde todos os benefícios que o sindicato conseguir só será dado a quem for sindicalizado. Duvido muito que eles tenham este interesse, pois assim teriam que verdadeiramente trabalhar para os membros da categoria que eles representassem o que me parece não ser muito o interesse deles.

  6. Aproveitando o espaço e ocasião, será que o Antagonista não poderia perguntar a Gilmar Mendes o que ele pensa sobre o julgamento dos nossos dirigentes da CBF pelos americanos. Especialmente sobre a prisão preventiva de Marin. Os outros dois não foram presos por estarei no Brasil.
    Será que ele dirá que o estado americano é uma ditadura? Que não respeita os direitos civis?
    Ou será que dirá que a prisão não se justifica pois, a copa já se foi, não havendo portanto riscos à investigação.
    Então? Nada como uma boa comparação para dirimir qualquer dúvida não é mesmo?
    E claro, no Brasil que conhecemos Marin estaria solto da silva, respondendo em liberdade. Afinal, onde já se viu antecipar pena. A prisão é o último recurso, após o acordão em todas as instâncias, etc, etc.
    kkkk

  7. Que mal lhe pergunte, mas o que o GM tem a ver com isso, hein?
    Se ele resolve tudo, quero o contato dele pra que me ajude a resolver sobre o tipo de torneira que tenho que comprar por meu tanque.

  8. Virou moda. A BANDIDAGEM QUANDO QUER ALGO….PROCURA O GILMAR QUE ELE RESOLVE.
    Já deve estar pensando em criar um contribuição obrigatória para dos brasileiros para seu IDP.
    Já se uniu inclusive ao PCdoB do flavio dino.

  9. Uê ??? Além de vadiar pelo mundo todo às nossas custas, soltar bandidos de estimação, captar dinheiro pro instituto de sua propriedade, agora o boca de hipopótamo também presta consultoria no gabinete do stf ??? Eu heimmm…Precisa dar um jeito nisso VIU barroso ou carminha…

  10. Cabe recordar que o imposto sindical foi criado em 1937 na era Vargas tem inspiração literal no ordenamento fascista proposto na Carta Del Lavoro e adotado por Mussolini. Enfim, os nossos sindicalistas vestem-se de Lavoro e classificam os oponentes como fascistas…Pobre Brasil.

  11. Esse país vai de vento em popa para o atraso.
    Sindicalismo que vive de expropriar oa trabalhadores não tem nada a ver com serviço ao trabalhador. Imposto obrigatório é salário para vagabundos aproveitadores. É bandidadgem apoiada pelo governo. Se o STF apoiar o imposto sindical obrigatório estará colocando o Brasil um passa à mais no atraso.
    Sindicalismo com imposto obrigatório não é sindicalismo e é contra o trabalhador.
    Que surja um novo sindicato, sem os Paulinhos e seus semelhantes atuais.

  12. Se é para ajudar bandidagem ou vagabundos, Gilmar resolve qualquer problema. Ah ! Se é contra o desejo da sociedade tambem, o canalha Gilmar vai contra. Vai arrumar um jeito de ajudar os corruptos de sindicatos. Claro.

  13. Não pode existir nada obrigado, se o funcionário quiser , sem ser obrigado a se sindicalizar, contribuir para a pelegada, fique a vontade. Agora obrigar todos os funcionários contribuírem para uma classe que na grande maioria não traz retorno algum, isso sim é inconstitucional.

  14. O Ministro Gilmar Mendas tem mais de 3 mil processo a serem julgados. Sugestão para aumentar a produtividade: foque no seu trabalho, deixa de viajar tanto para Portugal, conversar com amigos bandidos e palpitar em tudo que é assunto.
    Foca Ministro Gilmar!

  15. ·
    Sem o imposto sindical para sustentar suas mamatas, os sindicalistas já podem fazer planos para ganharem a vida dando a bunda, e poderão montar um sindicato para defender os direitos profissionais de prostitutas e travestis.

  16. Para ter seu nome (sic) preservado, além de manter a facção criminosa IDP funcionando com propinas, Gilmar fará acordos com tudo e com todos.
    Podem apostar que ele vai orientar os pelegos a entrar com recurso e obrigar os trabalhadores (de verdade) a doar dinheiro para o sustento desses pelegos vagabundos.

  17. Chega de financiar esses infelizes, se fossem inteligentes teriam ficado na deles ostentando dinheiro fácil, mas foram gananciosos demais se metendo demais na política e se aliando aos fracassados petralhas e se deram muito mal, para o bem do país!

  18. Bom, é o seguinte: no mês passado meu salário sofreu 1,73% de reajuste (dissídio). Porém, a taxa que fica para o sindicato é de 4%. Ou seja, somente terei realmente o reajuste (realmente abaixo da inflação) a partir do quarto mês.
    E ainda tem gente que gosta da porcaria do comunismo? Este lixo de sindicato gasta o dinheiro do trabalhador para defender o Maduro, a Nova Ordem Mundial, o Foro de SP, o MST, MTST, tudo o que não presta.