ACESSE

Gilmar: Ilações atingem todo o Judiciário

Telegram

Gilmar Mendes afirmou que as ilações feitas contra ele num relatório da Receita que aponta suspeitas de tráfico de influência, ocultação de patrimônio, corrupção e lavagem ligados aos ganhos de sua esposa atingem também “todo o Judiciário”.

No pedido feito a Dias Toffoli para apurar possíveis ilegalidades na investigação, destacou trecho do documento no qual se afirma “genericamente” que “o tráfico de influência normalmente se dá pelo julgamento de ações advocatícias de escritórios ligados ao contribuinte ou seus parentes, onde o próprio magistrado ou um de seus pares facilita o julgamento”.

O ministro criticou a divulgação indevida do documento, ao qual não teve acesso, afirmou que não foi intimado sobre a investigação e que nenhum fato concreto contra ele e familiares é apresentado nos trechos vazados.

Existem “forças subterrâneas” dentro do Congresso que impedem que projetos importantes vão a voto. Acompanhe aqui!

Comentários

  • Agnaldo -

    O Cabral está preso, mas os Baratas não! Vamos rasgar o Art. 5º Caput. senhor Gilmar defensor da CF.

  • Alexandre -

    UAI, O Beiçola tá cum mêdio diquê? Quem num devi num tremi.

  • Marco -

    A casa tá caindo, Beiçola!

Ler 363 comentários