Gilmar pede informações a Bretas sobre E$quema S

Gilmar pede informações a Bretas sobre E$quema S

Gilmar Mendes deu 5 dias para Marcelo Bretas prestar informações ao STF sobre a Operação E$quema S, que investiga dezenas de advogados suspeitos de desviarem R$ 151 milhões da Fecomércio do Rio de Janeiro.

O ministro despachou dentro de uma ação de Cristiano Zanin Martins, advogado de Lula e acusado de pressionar Orlando Diniz pelos pagamentos, que beneficiaram seu escritório e outras bancas de elite, segundo as investigações.

Ele questiona a competência da Justiça Federal de primeira instância para supervisionar as investigações. Gilmar Mendes é o relator da Lava Jato do Rio no STF e crítico contumaz de Marcelo Bretas.

A ação de Zanin tramita em segredo de Justiça no STF, ao lado de outras ações semelhantes apresentadas por seccionais da OAB e do ministro do STJ Napoleão Nunes Maia Filho.

Como mostramos mais cedo, há dois anos a Lava Jato do Rio pediu a suspeição de Gilmar Mendes no caso por causa de patrocínios da Fecomércio para o IDP, a faculdade particular do ministro; e da relação de sua mulher, a advogada Guiomar Feitosa, com Chiquinho Feitosa, cujo genro, Caio Rocha, está entre os advogados investigados na E$quema S.

Leia mais: Combo O Antagonista e Crusoé: comece a ler por apenas R$ 1,90/mês
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 80 comentários
TOPO