Girão contra “acordão de cartas marcadas” na CPI da Covid

Girão contra “acordão de cartas marcadas” na CPI da Covid
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

O senador Eduardo Girão (Podemos), como mostramos, tentará furar o acordo entre a maioria dos integrantes da CPI da Covid para tentar disputar a presidência da comissão com Omar Aziz.

No Facebook, o parlamentar, que pertence à ala bolsonarista do Senado, afirmou que pretende organizar uma CPI  “eminentemente técnica” e “sem quaisquer tipo de conflitos de interesses”. Ele não revelou quem escolheria para ser o relator da comissão.

O Podemos também confirmou nas redes sociais que pretende furar o tal acordão.

Contra o acordão de cartas marcadas para dominar a CPI da Pandemia, o senador Eduardo Girão, do Podemos, anunciou que será candidato à presidência da Comissão.”

Girão é autor do pedido da CPI que mira estados e municípios e que levou Rodrigo Pacheco a admitir que “fatos conexos” ao pedido inicial, de Randolfe Rodrigues e que foca no governo federal, também poderão ser investigados.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO