Governador do DF cria “Coordenação de Assuntos Religiosos”

Para enfrentar problemas sociais no Distrito Federal, o governador Ibaneis Rocha anunciou nesta semana a criação da “Coordenação de Assuntos Religiosos”, relata o G1.

A pasta, sob o comando do advogado Kildare Meira, deverá atuar no combate à “violência familiar, às drogas e evasão escolar”.

“As igrejas estão inseridas na sociedade, têm uma capilaridade enorme e podem fazer muito para ajudar no enfrentamento dos problemas do DF”, afirmou Kildare.

Por que algumas ideias de Paulo Guedes (o 'posto Ipiranga' de Bolsonaro) têm esbarrado na área política do governo? LEIA AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 57 comentários
  1. gostaria de entender o que o discurso tem a ver com a religião.estamos nos encaminhando para um estado evangélico,”idiótico”.não me envergonho.sou descendente de macacos e não de deus em goiabe

  2. Quem tem incomodado que vá pra Cuba, que ateísmo é coisa de cumunista de m3rda mesmo, é graças as igrejas evangélicas que o Brasil não é mais governado pelo PT, e o Presidente sabe disso!!!

    1. Eu não sigo religião e sou contra o comunismo, votei em Bolsonaro e sou libertário. Os ateus são as pessoas mais pacíficas. Nas cadeia o que mais tem é pessoas crentes em Deus. Não confunda!

    1. Decepcionar o Rui um pouco: o art.9 do código tributário veda cobrança de impostos sobre igrejas de qualquer crença e instituições assistenciais de acordo com a CF art.150, inciso VI

    1. A esquerda é o supra sumo da bosta, e a direita que escolhemos está se demonstrando outra imbecilidade. Nos fudemos de novo.

    1. TheTerror anta o estado não é laico porque aceita todas as religiões, mas porque não é independente delas portanto um órgão para assuntos religiosos está totalmente errado sim como muito bem d

  3. Parem de falar mal do Ibaneis!!! Ele é um cara sério!!! A prova é que nomeou o filho do Sarney para Secretário e mais que toda a ministrada do MDB que estava no governo do saudoso Temer…

  4. Vai usar as igrejas como escada d seu mandato? A ideia parece péssima. Deve ouvir as igrejas p aprender com elas e atuar d acordo com o q já se mostrou eficiente, mas não deve misturar a administra

  5. Não sei o que é pior… Ele entregando as tarefas que se propõe a enfrentrar nas mãos da igreja em vez dele mesmo resolver ou se é o estado querendo interferir na conduta pessoal de cada família