Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Governador do Rio terá de se explicar sobre ligação de Jairinho após morte de Henry

Governador do Rio terá de se explicar sobre ligação de Jairinho após morte de Henry
Foto: Eliane Carvalho/Fotos Públicas

O governador do Rio, Cláudio Castro, terá de se explicar à Câmara Municipal da capital fluminense sobre o telefonema que recebeu do vereador Dr. Jairinho poucas horas após a morte do menino Henry Borel, em 8 de março, registra O Globo.

Nesta terça-feira (25), o Conselho de Ética da Câmara decidiu por unanimidade pela notificação ao governador.

Preso desde 8 de abril, Jairinho e a namorada, Monique Medeiros —mãe de Henry, que tinha 4 anos—, são réus sob acusação de tortura e homicídio triplamente qualificado do menino. O vereador também enfrenta processo de cassação na Câmara do Rio.

Segundo Lauro Jardim, no telefonema, Jairinho deu a Castro a mesma versão do ocorrido que contou à polícia —ou seja, que ele e Monique encontraram Henry desacordado no quarto e o levaram a um hospital. O governador teria respondido que cabe à Polícia Civil decidir sobre as investigações.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO