ACESSE

Governadores mobilizaram STF para prorrogação da GLO no Ceará

Telegram

Após pressão de governadores, Jair Bolsonaro prorrogou o decreto da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) no Ceará.

Segundo a Folha, na madrugada de sexta-feira, após a live em que o presidente sinalizou que não prolongaria a GLO, governadores, juntos de Rodrigo Maia, Davi Alcolumbre e Dias Toffoli discutiram uma estratégia jurídica.

“Houve consenso de que o governador Camilo Santana (PT-CE) poderia, caso tivesse seu pedido de prorrogação da GLO negado, judicializar a questão.”

Uma opção seria o governador petista entrar com um pedido de decisão provisória no STF para manter as forças no estado.

“Outra, mais audaciosa do ponto de vista institucional, seria pedir ao STF ou ao Congresso que requisitasse a GLO a Bolsonaro.”

Leia também: Governo Bolsonaro: falta fazer política

Comentários

  • Juciara -

    É. Isso não é interferência indevida no executivo, não é? Depois o golpista é o presidente. Cabe a ele decidir sobre GLO. Estão querendo retirar toda a prerrogativa do Chefe do executivo? Golpistas.

  • Gustavo -

    E imprensa não fala da incapacidade do governo estadual em lidar com esse problema. PM é estadual e vcs tratam como se fosse problema federal. Que raiva.

  • Wanderlei -

    Se o PR resolver pela intervenção daí o congresso espúrio e o stf que nos envergonha falarão que é golpe.

Ler 60 comentários